Posts com a tag Club des Sommeliers

Viagem ao Chile com o Pão de Açúcar. Balanço final.

 

Acabo de publicar o último post relacionado à viagem que fiz ao Chile a convite do Pão de Açúcar em companhia do Carlos Cabral e Sra., do Fabio Greghy, responsável pelos vinhos do Club des Sommeliers entre outras coisas,  a querida Juliana Machado da Assessoria de Imprensa do GPA, do casal do blog AmoVinho, Deisi e Gui Cury, e do Christian Burgos da Revista Adega. A foto abaixo que ilustrou meu primeiro post, que foi tirada na nossa chegada, bem mostra a alegria do grupo.

 

Há um balanço a fazer, pois afinal, sempre voltamos melhores depois de qualquer viagem. Meu balanço é o seguinte:

  • O Carlos Cabral é um patrimônio do Mundo do Vinho. O Pão de Açúcar ao ter o Cabral como Consultor de Vinhos, deu um tiro mais que certeiro, pois não é nada comum ter uma pessoa com o prestígio internacional do Cabral, que independe da empresa onde esteja. Cabral é recebido como um amigo, como alguém da família. Isso é resultado de uma vida dedicada ao vinho, ao conhecimento e a uma postura ilibada. Raro mesmo. E o que digo todos pudemos atestar nas quatro bodegas que visitamos.
  • O Pão de Açúcar tem uma importância enorme no mercado do Vinho, pois tem quase 20 milhões de garrafas vendidas anualmente, o que passa dos 12% de todo o mercado Nacional. Isso mostra que o trabalho dos atendentes e a oferta de vinhos está mais que adequada ao mercado.
  • Me surpreendi com a informação de que o Pão de Açúcar sòzinho representa tres vezes o volume de vinho comprado internamente no Chile!Incrível. O Pão de Açúcar hoje vende só de Chile 4 milhões de garrafas/ano!
  • A qualidade e consistência dos quatro produtores que visitamos certamente garante a provisão adequada de rótulos em suas gamas de qualidade com bons preços e adequados ao atual perfil do consumidor brasileiro e trazendo gamas superiores também. Perfeito.
  • Ficou clara a seriedade, a preocupação e e atenção que o Pão de Açúcar dá ao seu ítem Vinho. É importante que chegue ao consumidor este trabalho para que ele se sinta alguém especial e não um simples consumidor do que tem na prateleira. Como disse o Cabral no vídeo abaixo, atrás de um rótulo há muita história a contar.
  • A organização da viagem foi perfeita e tudo funcionou bem em todos os lugares. Parabéns.
  • A escolha de pessoas do grupo foi ótima e certamente quem destoou foi o Didú… rindo demais a todo instante como se fosse um personagem dos Muppets…

Abaixo um vídeo que fiz com o Cabral no Aeroporto antes de nossa volta, aliás meus agradecimentos ao up-grade de lugares na aeronave na volta. Valeu muito para mim. Grazie Amigos. Foi realmente um privilégio para mim. Sucesso. Saúde!

 

Pão de Açúcar e o Vinho. Muito ou pouco?

Na semana passada tive o prazer de estar entre outros amigos, com o querido e competente Carlos Cabral do Pão de Açúcar.

Era um jantar elegante para contar do Club des Sommeliers e falar do futuro do vinho no Pão de Açúcar, que agora está lançando também um Clube de Vinho, o Viva Vinhos.

Gosto sempre de gravar, pois você pode ver a pessoa e saber dela mesma o que disse e não o que eu anotei que ela disse. Tenho sofrido com a falta de iluminação dos lugares onde tenho ido. Quem organiza o evento raramente se preocupa com isso. quem fala tem que sempre ter uma iluminacão adequada e um logotipo da empresa atrás dela. Essa regra é básica e antiga, mas muito pouco lembrada.

Assim, peço desculpas pela qualidade da imagem que tentei remediar na edição, mas o conteúdo é o que interessa mais… É impressionante o que contou o Cabral, veja:

 

 

O evento foi na Escola de Gastronomia do Laurent Suaudeau, que preparou suas tradicionais delícias, como o Gnocchi à la Romana Gorgonzola com Vinagrette de Poire que acompanhou o Club des Sommeliers Espumante Brut (Salton).

Em seguida tivemos o Poisson Cabillaud Confit à l’Huile  d’Olive au Citron, au Chorizo et Jus de Poisson que foi harmonizado pelo delicioso Club des Sommeliers Sauvignon Blanc, bem direto, bem típico e ótima acidez, que vem da Nova Zelandia.

Seguimos para o Enchine de Marcassin Braisée au Tamarin, Confit Fruits de Secs e Ravioli d’Amande, que estava espetacular e foi harmonizado com o Moderno e corpulento Club des sommeliers Shirraz Gran Reserva chileno  do Vale do Rapel da Viña Carta Vieja.

Como sobremesa a Bavaroise de Chocolat Cupuaçu au Nibs de Cacau harmonizado pelo Club des Sommeliers Porto Tawny de Manoel Poças Junior.

Conheci o Laurent em 2005 quando Paul Boucuse o trouxe para o Saint Honoré que ficava elegantemente instalado no roof do Hotel Méridien no Leme. Era um lugar de sonhos. Eu o considero o melhor Chef que já esteve no Brasil. Bem, ele que jea é mais brasileiro que francês, também tinha novidades para contar e eu gravei para você, Veja:

 

Muito bem, tudo muito bom, mas o “chatododidu” precisa levantar um ponto. O Cabral contou que que o Pão de Açúcar vende anualmente 18 milhões de garrafas de Vinho por ano.

É muito. Representa cerca de 12,5 % do mercado brasileiro de vinhos finos!! Mas também é muito pouco. Sabem por que é pouco? Por que também segundo o Cabral todas as lojas do Grupo Pão de Açúcar recebem cerca de 40 milhões de Clientes por mês!

Eu imagino que essas pessoas vão mais de uma vez por mês ao Pão de Açúcar e então cheguei à conclusão de que na verdade são 10 milhões de pessoas diferentes que vão ao Pão de Açúcar por mês, sendo uma vez por semana cada uma.

Esse chute não deve estar muito longe da realidade, acredito. Muito bem, 10 milhões de pessoas vão por ano ao Pão de Açúcar cerca de 52 duas vezes, correto?  Então pergunto, elas compram vinho apenas 1,8 vezes dessas 52 semanas que visitam o Pão de Açúcar?

Eu aposto tudo que tenho, até por que não tenho nada, que eu dobraria esse consumo com degustações e com gargantilhas nas garrafas do Club des Sommeliers que seriam trocadas semanalmente com dizeres como:

  • Este Vinho faz bem ao seu Coração
  • Este Vinho melhora a sua digestão
  • Este Vinho faz bem à sua Pele
  • Este Vinho Prolonga a sua Vida
  • Este Vinho evita a Demência

E assim divulgar inúmeros benefícios que o consumo do Vinho moderadamente e cotidianamente promovem. Quem concorda comigo? Por que não fazem? Não consigo entender. Basta Comunicar e Promover e Degustar e Comunicar e Promover e Degustar…