Posts com a tag Carta Vieja

Viagem ao Chile com o Pão de Açúcar. Balanço final.

 

Acabo de publicar o último post relacionado à viagem que fiz ao Chile a convite do Pão de Açúcar em companhia do Carlos Cabral e Sra., do Fabio Greghy, responsável pelos vinhos do Club des Sommeliers entre outras coisas,  a querida Juliana Machado da Assessoria de Imprensa do GPA, do casal do blog AmoVinho, Deisi e Gui Cury, e do Christian Burgos da Revista Adega. A foto abaixo que ilustrou meu primeiro post, que foi tirada na nossa chegada, bem mostra a alegria do grupo.

 

Há um balanço a fazer, pois afinal, sempre voltamos melhores depois de qualquer viagem. Meu balanço é o seguinte:

  • O Carlos Cabral é um patrimônio do Mundo do Vinho. O Pão de Açúcar ao ter o Cabral como Consultor de Vinhos, deu um tiro mais que certeiro, pois não é nada comum ter uma pessoa com o prestígio internacional do Cabral, que independe da empresa onde esteja. Cabral é recebido como um amigo, como alguém da família. Isso é resultado de uma vida dedicada ao vinho, ao conhecimento e a uma postura ilibada. Raro mesmo. E o que digo todos pudemos atestar nas quatro bodegas que visitamos.
  • O Pão de Açúcar tem uma importância enorme no mercado do Vinho, pois tem quase 20 milhões de garrafas vendidas anualmente, o que passa dos 12% de todo o mercado Nacional. Isso mostra que o trabalho dos atendentes e a oferta de vinhos está mais que adequada ao mercado.
  • Me surpreendi com a informação de que o Pão de Açúcar sòzinho representa tres vezes o volume de vinho comprado internamente no Chile!Incrível. O Pão de Açúcar hoje vende só de Chile 4 milhões de garrafas/ano!
  • A qualidade e consistência dos quatro produtores que visitamos certamente garante a provisão adequada de rótulos em suas gamas de qualidade com bons preços e adequados ao atual perfil do consumidor brasileiro e trazendo gamas superiores também. Perfeito.
  • Ficou clara a seriedade, a preocupação e e atenção que o Pão de Açúcar dá ao seu ítem Vinho. É importante que chegue ao consumidor este trabalho para que ele se sinta alguém especial e não um simples consumidor do que tem na prateleira. Como disse o Cabral no vídeo abaixo, atrás de um rótulo há muita história a contar.
  • A organização da viagem foi perfeita e tudo funcionou bem em todos os lugares. Parabéns.
  • A escolha de pessoas do grupo foi ótima e certamente quem destoou foi o Didú… rindo demais a todo instante como se fosse um personagem dos Muppets…

Abaixo um vídeo que fiz com o Cabral no Aeroporto antes de nossa volta, aliás meus agradecimentos ao up-grade de lugares na aeronave na volta. Valeu muito para mim. Grazie Amigos. Foi realmente um privilégio para mim. Sucesso. Saúde!

 

Carta Vieja

 

A Família Pedregal conseguiu chegar ao seu oitavo herdeiro no mesmo negócio. A casa do avó de Jose Manuel Del Pedregal ainda está lá e com quartos para os quatro filhos e suas famílias e se reunem nos finais de semana. Para uma pessoa como eu isso é coisa de vencedor. Minha admiração. Sensacional e lindo isso. Eu gravei o Jose Manuel falando da bodega. Veja:

 

 

A Carta Vieja era nossa última parada nessa viagem deliciosa ao Chile. Logo que chegamos, fomos recebidos pela enóloga da bodega, a Rosario Dominguez Gil que  tem feicão de menina, mas coordena a produção de nada menos que 13 milhões de garrafas/ano em Carta Vieja!

 

Fomos então para a degustação dos rótulos, que não eram poucos, toda a linha Aves del Sur! Inclusive novidades como o maravilhoso Viognier. Elegante, denso com frescor, tipicidade, vinho delicioso. Foi meu predileto ao lado do Cabernet Sauvignon Gran Reserva.

 

 

Essa linha de vinhos é simplesmente sensacional, uma grande sacada, pois há muito desconhecimento de vinhos hoje pelos consumidores e esses rótulos são lindos. A pessoa quer comprar e quer gostar, é meio caminho andado apenas pela beleza do rótulo. Cabral disse que há colecionadores!… Sensacional. Por tanto basta o vinho não errar para conquistar o consumidor definitivamente e a Carta Vieja sabe disso, por tanto tem um vinho corretíssimo  dentro dessas garrafas, É compra certa nas gôndolas do Pão de Açúcar. Têm tipicidade, são didáticos, diretos, bem o que se espera de cada casta. A degustação foi na casa da Família Pedregal, onde depois desfrutamos de delicioso jantar.

 

 

O Pão de Açúcar tem um volume enorme de vinhos a comprar, seus parceiros precisam ter qualidade, volume e regularidade. Não é fácil isso e Carta Vieja tem…

Nosso programa contemplava dormir nessa casa maravilhosa da família Pedregal, porém uma greve de taxistas contra o Uber e outra de caminhoneiros anunciada para a manhã do dia seguinte, alterou nossos planos e decidimos que voltaríamos naquela noite mesmo a Santiago e dormiríamos no hotel em frente ao aeroporto.

Foram quatro horas de van onde o grupo teve que aguentar as risadas minhas e do Cabral, contando histórias divertidas e piadas uma atrás da outra… me diverti como nunca. Agradeço ao Cabral e me desculpo com os companheiros de viagem que não puderam dormir…

Pão de Açúcar me levou ao Chile

Acabo de chegar de gostosa viagem ao Chile, a convite do Grupo Pão de Açúcar. Na selfie tirada pelo Fabio Greghy, responsável pelos vinhos do Club des Sommeliers entre outras coisas. Nela você vê nosso divertido grupo, a Leda esposa do Cabral, Cabral, a seu lado a querida Juliana Machado da Assessoria de Imprensa do GPA, atrás dela o casal do blog AmoVinho, Deisi e Gui Cury, Christian Burgos da Revista Adega e eu.

Para quem não sabe, o Pão de Açúcar é hoje o maior vendedor de Vinhos do Brasil, beirando os 20 milhões de garrafas anuais. Um fenómeno que cresce ano a ano graças ao empenho de Carlos Cabral, em formar os atendentes de Vinho e a buscar sempre qualidade e garantia de fornecimento, em várias faixas de preço.

Só do Chile, o Pão de Açúcar vende anualmente 4 milhões de garrafas! Seus quatro fornecedores são Viña Santa Rita, Luis Felipe Edwards, Via Wines e Carta Vieja. E foi para esses destinos que fomos convidados a conhecer.

Não bastasse a importância de Consultor que recomenda a compra de rótulos do Pão de Açúcar, que o Cabral representa, sua assessoria ao Pão de Açúcar dá de presente ao Grupo a excepcional respeitabilidade que Cabral desfruta. Não é de graça isso, pois o Cabral está para comemorar 50 anos de Vinho do Porto, tempo que se dedica a esta categoria de Vinhos onde é certamente uma das cinco maiores autoridades mundiais no assunto. E Cabral não fica só nisso não, conhece como poucos vinho do Mundo inteiro. Com sua cultura, senso de humor e simpatia, ele garantiu a alegria da viagem. Seu prestígio nas bodegas nos levou a sermos recebidos como nobres. Foi um show de encantamento. Parabéns Pão de Açúcar.

A viagem foi muito gratificante, pois conseguiu surpreender a todos. cada um dos fornecedores tiveram algo a surpreender e eu tenho bastante a postar, pois trouxe nada menos que 40 vídeos que serão agora editados para os próximos posts. Saúde!