Acontece

9º Encontro Mistral. Você não pode perder.

Um dos melhores momentos do Vinho acontece este mês em São Paulo e Rio de Janeiro. Falo do encontro Mistral. A Mistral é aquela importadora que todo importador gostaria de ser o dono, a maior concentração de produtores excepcionais, algo raro no Mundo. Mérito da paixão de Ciro Lilla por essa bebida que nós adoramos.

 

Só quem já produziu algum evento é que pode avaliar o que é fazer um evento desse porte e com esse volume de gente.

Basta você ler abaixo a comunicação da Sofia Carvalhosa para ter uma idéia dos nomes que estarão aqui e dos rótulos que serão servidos.

Como acontece sempre, a Mistral no dia do evento, tem um catálogo dos vinhos expostos, com preços especiais. É uma boa oportunidade de comprar algo que você gostou.

O chatododidú adverte:

  • Não é legal ao visitar um produtor, querer provar apenas de seu rótulo famoso. Fica feio isso. Experimente os mais simples, é aí que você conhece de verdade a qualidade do produtor.
  • Faça como o Don Jerez e informe-se antes, pela internet, a respeito dos produtores que você vai visitar, isso vai facilitar sua conversa com ele e motivar perguntas novas.
  • Esqueça a idéia de visitar todos e provar tudo. Acredite, não dá. Faça sua lista de prioridades e trace um roteiro.
  • Se alguém estiver conversando com o produtor, ou gravando algo, tenha a fineza de não interromper.
  • Não beba demais, cuspa os vinhos. Sair embriagado de lá pega muito mal.
  • Vá de Uber ou de Taxi.

 

Comunicado da Sofia Carvalhosa Comunicação

A Mistral Importadora traz ao Brasil 68 renomados produtores de vinho para o Encontro Mistral 2019. Criado em 2003 e realizado a cada dois anos, o evento chega a sua 9ª edição como um dos mais respeitados eventos de vinho do Brasil. Em São Paulo, acontece nos dias 27 e 28 de maio, no hotel Grand Hyatt, e no Rio de Janeiro, no dia 29, no Belmond Copacabana Palace.

Vinícolas das principais regiões produtoras de 14 países serão representadas por seus proprietários ou enólogos, que apresentarão pessoalmente ao público mais de 450 grandes rótulos.

Grandes nomes do vinho estarão presentes nesta edição. Entre destaques do Velho Mundo estão o espanhol Miquel Ángel Cerdà, proprietário da Ànima Negra e Terra de Falanis; o francês Jean-Louis Despagne, da Château Tour de Mirambeau; e os italianos Roberto Stucchi, enólogo da Badia a Coltibuono, Paolo Coppo, da Coppo, além de Paolo Campagnola, da Campagnola e Luca Speri, da Speri, duas vinícolas que entraram recentemente para o portfólio da importadora.

Portugal também tem representantes de prestígio no evento, como  o enólogo Luis Patrão, da Herdade de Coelheiros, Luis Cerdeira, proprietário da Soalheiro, e voltam ao país produtores já conhecidos do público, como Diogo Campilho, da Quinta da Lagoalva, Maria Castro, da Quinta da Pellada, e Luis Pato, uma das maiores celebridades do vinho português.

Do Novo Mundo, participam os chilenos Maria Paz e Matias Garcés, proprietários da Viña Garcés, e os enólogos Bernardo Troncoso, da Viña Montes, Emily Faulconer, da Viña Carmen, e Andrea Leon, da Lapostolle; o argentino Ernesto Catena, proprietário da Tikal; e os brasileiros Luís Henrique Zanini e Ana Paula Valduga, proprietários da Vallontano.

O público poderá também provar rótulos de consagradas propriedades, como as francesas Joseph Drouhin e Georges Vigouroux; as gregas Gaia, Boutari e Cambas; as espanholas Vega Sicilia, Alión, Pintia, Pesquera e Viña Bujanda; as alemãs Selbach Oster e Robert Weill; as sul-africanas De Wetshof e Boekenhoutskloof; a húngara Oremus; e as argentinas Catena Zapata, El Enemigo e Bodegas Caro.

Comments

comments