Acontece

Maria Paz Garcés

Tive o prazer de dividir a mesa do novo restaurante Barolo, em torno da simpática e elegante Maria Paz Garcés, com o Beto Gerosa, o Marcel Miwa e o Cassiano Borges da Mistral que é Brand Manager de diversas marcas da importadora de Ciro Lilla.

O jantar foi no novo Barolo Tratoria, restaurante do Paraná com foco na fartura da cozinha italiana, contrastante com o ambiente que é bastante elegante e com serviço ótimo e simpático.

A mesa estava especial alegrada pelos gostosos vinhos Boya e Amayna. Degustamos o Sauvignon Blanc do Boya, fresco, alegre, jovial, bom de se bebericar, com o classudo Chardonnay Amayna barricado e com o delicioso Syrah Amayna, denso, estruturado, picante e com ótimo frescor, o que o torna muito gastronômico.

A Viña Garcés Silva que nasceu em 1999, foi uma das pioneiras a plantar vinhas nas frias colinas de Leyda (corrente de Humboldt), que é uma das sub-regiões do vale de San Antonio, a 75 km a oeste de Santiago, perto do vale de Casablanca, de onde se pode avistar o mar do Pacífico.

Fiquei surpreso com a informação de que o enólogo da Garcés Silva desde o início é um suiço Jean-Michel Novelle, que por formação é um perfumista! E também me surpreendi ao saber que o enólogo do projeto Boya é o Rafael Tirado. Em fim, foi um jantar delicioso entre amigos, com gente educada e elegante e com boas informações de mercado da Maria Paz que você poderá conferir nos tres vídeos abaixo, aliás, você sabia que a nota fiscal nº1 da Garcés Silva foi para a amIstral?… Saiba também como se dá o posicionamento de vendas da Garcés Silva, em um mercado tão competitivo como o do Vinho. Saúde!

Comments

comments