I Love Wine Lovers

Outro dia, a  fui almoçar com a Catia Gramuglia da Wine Lovers  para conhecer um novo produtor que ela está trazendo, a Finca Agostino.

A finca Agostino é de dois irmãos, Miguel e Sebastián Agostino, um deles que não sei qual já esteve no Brasil e almocei com ele no Rodeio, me lembro de sua simpatia e de seus vinhos. Agora estava aqui o Fernando Anitori, que já conhecia de um encontro da Aurora com seus pequenas Partilhas, pois o Malbec do Pequenas Partilhas é produzido pela finca Agostina. Boa pedida aliás.

Eu já gostava da Wine Lovers, afinal uma importadora que traz os vinhos do meu Amigo Vasco Croft, sabe das coisas e prioriza os vinhos limpos, puros, sinceros, o que se pode confirmar vendo seu site onde você encontra entre outros, o Aupa Pipeño da Viña Maitia, o Laudum da Bodega Bocopa, o Musso da casa Rojo, os Bojador da Espaço Rural, os deliciosos e sinceros vinhos trasmontanos da Quinta do Arcossó e os uruguayos da Artesana… Mas conversando com a Catia percebi sua energia e certeza de cada vez mais se especializar nesses vinhos naturebas que eu tanto gosto e admiro. Essas pessoas são diferentes, sempre. Gosto disso.

 

 

Outro ponto que merece atenção na Wine Lovers são as margens bem palatáveis de sua carta, afinal nem todos são naturebas, que normalmente são vinhos mais caros, mas entre os convencionais há muita coisa boa e com margens bem palatáveis, que é o caso dos vinhos da Finca Agostina.

Caso deste Cabernet Sauvignon, ou este Chardonnay Vognier, ambos muito bem feitos e deliciosos, com frescor, com tipicidade, convidativos e versáteis em harmonizações e que saem na faixa dos R$ 60,00.

Destaco também entre a vasta oferta da Finca Agostino, este Agostino Familia Gran Reserva com 40% Malbec, 30% Petit Verdot, 15% Cabernet y 15% Syrah. que é espetacular, com estrutura e classe, um assemblage não comum dos dois vinhedos da Finca Agostino, Valle de Uco e Maipú. Vinho elegante e sedutor que recomendo, daqueles que agradam a todo mundo. Classudo.

 

A Finca Agostino é a história de quatro irmãos: Vincenzo, Rosalía, Sebastián e Miguel Agostino, que viveram sua infância em Mendoza antes de se mudar com sua família para o Canadá nos anos ’60. Mendoza sempre representou para eles a terra da infância, que compartilharam com seu avô Sebastiano, rodeados dos vinhedos onde trabalhava como viticultor empreiteiro.

Sebastiano amava Mendoza, sua água pura da cordilheira e seus dias ensolarados. Sempre lhes dizia: “cuide das suas videiras com paixão e elas te devolverão o melhor”.

Os 4 irmãos prometeram voltar à Mendoza, com o sonho de construir uma vinícola que honrasse a memória de seu avô. Assim em 2003 voltam à província e, em Barrancas, no município de Maipú, iniciaram um novo capítulo de sua história, construindo seu legado: os vinhos da Finca Agostino.

Tagged: , , , , , , , , , , , ,

Deixe um comentário